Sensação da Euro, Islândia quase veio ao Brasil

28 de junho de 2016

Oslo, 15 de outubro de 2013 – jogando fora de casa, a seleção da Islândia empatava com a Noruega e garantia o 2º lugar do Grupo E das eliminatórias da Copa 2014. Com o resultado, os islandeses entravam na disputa pela vaga e enfrentariam a forte Croácia, para decidir quem viria ao Brasil.

islandia

No primeiro jogo contra os croatas, realizado na capital Reiquiavique, a Islândia conseguiu um heroico empate oxo e foi para a partida final, em Zagreb, em igualdade de placar com o adversário. No entanto, jogando em casa e com o apoio de sua torcida, a Croácia venceu por 2 x 0 e, meses depois, jogava contra o Brasil, em São Paulo, na partida de abertura do mundial.

Para os islandeses, ficou apenas um pensamento: que eles poderiam enfrentar qualquer time de igual para igual e conseguir uma classificação no futuro. E essa classificação veio 2 anos depois, quando venceram a Holanda e conseguiram a vaga na Euro 2016, iniciando uma campanha no torneio tão lendária quanto as famosas sagas da literatura nórdica.

A Copa de 2014 no Brasil foi uma das únicas na história que não contou com nenhum país do norte da Europa entre os classificados. Mas, embora tenha deixado a vaga escapar no último jogo das eliminatórias, a Islândia iniciou uma nova fase de seu futebol, quando este passou de mero coadjuvante para um ator expressivo na Europa.

E para 2018, a Rússia, que será a sede do mundial, parece bem perto!


Novas Seleções Filiam-se à FIFA

18 de maio de 2016

Neste mês de maio, dois novos países foram aceitos como membros filiados da FIFA: Kosovo e Gibraltar. Enquanto o primeiro declarou sua independência da Sérvia em 2008 e é parcialmente reconhecido, o segundo é um pequeno território autônomo pertencente ao Reino Unido.

Bandeira do Kosovo

Bandeira do Kosovo

Membros também da UEFA, as duas seleções agora preparam-se para seu primeiro desafio, a disputa das eliminatórias europeias para a Copa do Mundo 2018, que começam em setembro!

O último país que havia filiado-se à FIFA foi o Sudão do Sul, em 2012. Atualmente, apenas 8 nações soberanas não são filiadas à organização.


Seleção Brasileira está Invicta há 11 Partidas

1 de julho de 2013

foto: fifa.com

Com o chocolate sobre a Espanha na final da Copa das Confederações, a antes subestimada seleção brasileira chegou à marca de 11 partidas seguidas de invencibilidade. A última derrota foi no amistoso contra a Inglaterra, em Fevereiro de 2013, quando perdeu por 2 a 1.

Contando-se somente as partidas em torneios oficiais, o Brasil está invicto há 3 anos. A última derrota foi em 2 de Julho de 2010, contra a Holanda, nas Quartas-de-final da Copa do Mundo na África do Sul. Depois disso, vieram 4 partidas pela Copa América de 2011, quando foi eliminada somente nos pênaltis, após o empate em 1 a 1 contra o Paraguai, e as 5 partidas da Copa das Confederações.

O próximo torneio oficial do Brasil será a Copa do Mundo de 2014. Antes disso, a seleção fará uma série de amistosos, tentando manter o bom retrospecto, e chegar ainda mais forte na competição!


Países da Copa do Mundo 2014

20 de janeiro de 2013

A Copa do Mundo 2014 terá 32 seleções participantes. Este número é definido pela FIFA, sendo baseado no atual cenário do futebol mundial e têm sido o mesmo desde a Copa de 1998.

Para se decidir quais os países que partiparão da Copa, a FIFA distribui as 32 vagas entre os continentes, de acordo com a força de cada um deles no futebol, e organiza torneios qualificatórios em todos eles. Os vencedores de cada torneio, conhecidos como Eliminatórias, se classificam para a Copa.

Para a Copa de 2014, a distribuição das 32 vagas por continente foi da seguinte maneira:

13 vagas para a Europa
5 vagas para a África
4 vagas para a América do Sul
4 vagas para a Ásia
3 vagas para a América do Norte, Central e Caribe
+
2 vagas para a repescagem intercontinental
1 vaga para o país anfitrião (classificado automaticamente)

As Eliminatórias começam cerca de 2 anos antes da data da Copa e os países devem se inscrever para participar. Ao final delas, estarão definidos todos os países participantes da Copa do Mundo.

Em Janeiro de 2013, das 203 seleções que se inscreveram para as Eliminatórias, apenas 120 continuam com chances de classificação. As outras já foram eliminadas e esperam por uma nova chance para 2018.

A situação atual em cada continente está assim:
Europa – 53 países ainda na disputa / nenhum classificado definido
África – 40 países ainda na disputa  / nenhum classificado definido
América do Sul – 9 países na disputa / nenhum classificado ainda
Ásia – 10 países ainda na disputa / Japão perto da classicação
Ámerica do Norte, Central e Caribe – 6 países na disputa / nenhum class.
+
Repescagem continental – O representante da Oceania sairá da disputa entre Nova Caledônia e Nova Zelândia e enfrentará um país da América.
Já o 5º colocado das Eliminatórias Sulamericanas enfrentará o 5º colocado da Ásia.
O Brasil, como país-sede, já está classificado e não disputa as Eliminatórias.


3 anos após a Copa, África do Sul recebe a CAN

20 de janeiro de 2013

Três anos após receber a Copa do Mundo da FIFA em seu solo, a África do Sul hospeda a Copa Africana de Nações, o torneio de futebol mais importante do continente, que definirá o último classificado para a Copa das Confederações 2013, no Brasil.

logo can 2013

A edição 2013 da CAN, a 29ª da história, é uma das mais equilibradas dos últimos tempos. Das grandes forças do continente, apenas o Egito não conseguiu classificação, mas Gana, Nigéria, Costa do Marfim, Argélia, Tunísia, Marrocos e Zâmbia estarão no páreo.

Correndo por fora, seleções como Angola, Mali e República Democratica do Congo esperam surpreender, assim como a emergente seleção de Cabo Verde, que conseguiu pela primeira vez classificar-se para o torneio.

A final da CAN 2013 acontece dia 10 de Fevereiro, no estádio Soccer City, de Joanesburgo, que foi o palco da final do Copa do Mundo 2010, vencida pela Espanha, outra seleção confirmada para estar no Brasil este ano.


O campeão dos campeões

30 de dezembro de 2012

O ano de 2012 foi bastante movimentado no mundo do futebol, principalmente de seleções. Além das eliminatórias para a Copa do Mundo, tivemos ainda qualificatórios para torneios continentais, campeonatos regionais, inúmeros amistosos, além da CAN e OFC Cup. Abaixo segue um resumo dos torneios que você nem soube que existiram:

AFC Challenge Cup – Ocorreu em março, no Nepal, e teve como campeã a Coreia do Norte, que garantiu vaga para a próxima Copa da Ásia.

Arab Nations Cup – Torneio entre seleções árabes, que não era realizado desde 2002. Ocorreu na Arábia Saudita, em junho, e teve como campeão o Marrocos.

Cecafa Cup – Ocorreu em novembro, em Uganda, e teve os donos da casa como campeões, após baterem o Quênia por 2 a 1.

AFF Suzuki Cup – Ocorreu em dezembro, entre seleções do sudeste asiático, e foi vencido por Singapura, que derrotou a Tailândia na final.

WAFF Cup – Torneio entre seleções do oeste da Ásia. Ocorreu no Kuwait e foi vencido pela Síria, que derrotou o Iraque na final.

Caribbean Cup – Ocorreu também em dezembro e foi vencida por Cuba, que junto com Trinidad & Tobago, Haiti e Martinica, se classificou para a Copa Ouro 2013.

Copa do Mundo de Clubes da Fifa – Este você viu. Ocorreu no Japão e foi vencido pelo Corinthians Paulista, que se sagrou bicampeão mundial!


Impressões do sorteio da Copa

31 de julho de 2011

Foi realizado ontem, no Rio de Janeiro, o sorteio dos grupos continentais das Eliminatórias para Copa 2014. Em um evento marcado pelo alto valor gasto na produção, protestos dos brasileiros e a monotonia da apresentação, os países da África, Ásia, Oceania, América do Norte e a tão aguardada Europa conheceram seus adversários no caminho para o Brasil. Dos 174 participantes do sorteio, somente 31 estarão por aqui em 2014.

África

Com uma fórmula de disputa que incluía uma peneira entre as 24 seleções mais fracas, a África abriu os procedimentos no Rio e deu o tom do que seria um sorteio sem grandes emoções e com uma matemática confusa para a maioria das pessoas. Confira neste link os principais confrontos.

Ásia

Em seguida, foi realizada a tiragem dos grupos da Ásia, mais simples, com apenas 20 seleções, onde o destaque foi o Grupo C, que terá Japão, Coréia do Norte, Uzbequistão e Síria disputando 2 vagas para a fase final das Eliminatórias.

América do Norte

A Concacaf, Confederação da América do Norte, Central e do Caribe, era a que possuía a fórmula mais complexa das Eliminatórias. Depois de uma etapa preliminar, que definiu os 30 participantes no sorteio, 24 seleções foram divididas em 6 grupos, onde os vencedores se juntarão às outras 6 seleções restantes para definir os classificados para a etapa final, que dará 3 vagas diretas para a Copa e uma na repescagem.

Oceania

Já a Oceania contava apenas com 8 participantes no sorteio, que foram divididos em 2 grupos. Destaque para o grupo B que terá o clássico regional Nova Zelândia x Fiji, além da emergente seleção das Ilhas Salomão e a inativa Papua-Nova Guiné, que não joga desde 2007.

Europa

Por fim, foi realizado o sorteio mais esperado da tarde, o dos grupos europeus, que terá alguns encontros interessantes, como Croácia x Sérvia e Escócia x País de Gales pelo Grupo A. Da mesma forma, Alemanha e Suécia se enfrentarão no Grupo C, que ainda tem Irlanda e Áustria.

Destaque também para o Grupo H, que terá Inglaterra, Polônia, Ucrânia e a forte seleção de Montenegro. Para fechar o evento com alguma surpresa, a última seleção puxada dos potes foi a campeã do mundo Espanha, que caiu no mesmo grupo da França, que ninguém queria pegar.

Fim do sorteio e 30 milhões de reais gastos do dinheiro público.